Sem categoria › 07/10/2015

SANTA TERESA DE JESUS, É ANTES DE TUDO MESTRA DE ORAÇÃO!

Santa Teresa 2   Santa Teresa de Jesus, é antes de tudo mestra de vida de oração!

Na sua experiência, foi fundamental a descoberta da humanidade de Cristo, o seu “livro vivo”. Tudo que escreveu, de modo especial da oração, nasceu de sua vivência. Levada pelo desejo de partilhar essa experiência pessoal com os outros, escreve de um modo simples e profundo, pois para ela a oração consiste, em um “trato de amizade com quem sabemos que nos ama” (V8,5).

Para Santa Teresa a oração então é um encontro dinâmico, uma realidade viva, um processo permanente. Não é algo que se conquista, ou uma meta que se alcança e termina. A oração é vida, movimento!

Concebida como “trato de amizade”, se compreende facilmente que seja algo vivo. Portanto, algo inacabado, uma constante busca, pois a amizade conhece sim um ponto de partida, mas nunca o seu fim. “Triste coisa seria que só pelos cantos, se pudesse fazer oração” (F 5,16). Estava a santa convencida da oração como processo dinâmico, vivo, mesmo que nem sempre fosse perfeita a sua oração. O caminho de oração, para Santa Teresa pede-nos perseverança e fidelidade, um grande amor que seja entrega, mesmo nos momento de aridez e dificuldades pessoais.

Santa Teresa legou-nos um grande tesouro! Cheios de propostas concretas, caminhos, longe de nos fecharmos em nós mesmos, ou de procurar um simples equilíbrio interior, nos fazem recomeçar sempre a partir de Cristo e constituem uma autêntica escola de crescimento no amor de Deus e ao próximo.

Não nos entregou um método pronto e definitivo.  Não nos fala de formas e maneiras de fazer oração, mas sim de “varias moradas”, onde se realiza esse “trato de amizade” com Deus cuja fonte inesgotável é o AMOR!

A partir do seu encontro com Cristo, Santa Teresa viveu uma “nova vida”, justamente por esse processo permanente e evolutivo que é a oração, uma constante busca, não podendo sempre aplicar-se as mesmas leis , métodos e categorias. Aqui se encontra o essencial da oração de Santa Teresa.

Que o testemunho do rosto de Cristo, que Teresa encontrou, contemplou e viveu, transpareça para nós a alegria e a beleza de viver o Evangelho, e nos atraia para Deus, que vive no centro de noss’alma, ali atua e nos atraí comunicando-nos as grandezas do seu AMOR, pois a oração é movimento de interiorização, busca de ALGUÉM, de quem sabemos amados, e por quem temos necessidade de ama-LO e de viver em sua companhia e amizade!

Pe. João Carlos Pedroza.

 

Tags:

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.